Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2009

A parada gay e a onda conservadora

Faz alguns dias que o portal do A Notícia está sustentando uma enquete sobre a possibilidade de ocorrer uma parada gay em Joinville, em junho. A enquete deve estar lá por tanto tempo porque realmente é um sucesso em número de comentários. Lá, é possível perceber os resquícios do conservadorismo de Joinville.

Digo que isso nada muda para a realização da parada gay. Acredito que as pessoas superstimam a quantidade de conservadores na cidade. Claro, essa percepção é puramente empírica.

Digo aos que são contra: podem ser contra, o estado é laico.

Aos que afirmam ser "uma festa sem moral e lasciva", eu retruco: e o carnaval? É o quê? Os heterossexuais podem ter uma festa lasciva, mas os homossexuais, não?

Aos que criticam o uso do dinheiro público: e a Festa das Tradições? Carnaval? Iluminação natalina?

Aos que falam que falta Deus no coração: Desculpe, não sei se repararam, mas existem outras religiões no mundo. E existe gente sem religião.

Os homossexuais não tentam interferir ou imp…

PPS campeão de viagens

Imagem
Após grande parte da imprensa brasileira publicar material sobre a tal "farra das passagens", o periódico A Notícia decidiu investir no assunto regional e localmente. Em Santa Catarina, o deputado federal campeão em viagens é Fernando Coruja (PPS), líder do PPS no Congresso Nacional, e um dos maiores professadores do discurso ético na política. Coruja fez 19 viagens ao exterior, contra 14 do segundo "mais viajão", Nelson Goetten (PR).

Já em Joinville, o PPS também é o campeão de gastos com viagens e diárias. Ao contrário do Congresso Nacional, as viagens não são internacionais e são realizadas em via terrestre. Ao todo, a Câmara dispendeu quase R$ 24 mil em viagens em apenas quatro meses do ano legislativo. Nesse ritmo, caso a média se mantenha, serão gastos R$ 287 mil nos quatro anos de mandato somente com viagens.

O número de viagens em sí não é tão importante, mas sim, o quanto é gasto de dinheiro público nessas viagens. O vereador Juarez Pereira (PPS) é o campeã…

A demissão de Salete Lemos

Tive contato com esse vídeo a partir do blog do Jordi Castan. Pesquisei na internet, e o que encontrei foi isso. Muito interessante se os comentaristas televisos tivessem essa liberdade. Pena a demissão, ainda mais em uma TV educativa.

29/08/2007Salete Lemos critica TV Cultura e diz que foi demitida por censura Salete Lemos está fazendo participação fixa, com cachê, no "Hebe", mas ainda não digeriu sua demissão da Cultura, em julho. Ela diz que foi dispensada após criticar os bancos e o governo. "Um banco ameaçou tirar o patrocínio se eu não me retratasse no ar. A Cultura perdeu o compromisso com a liberdade editorial", afirma Salete. A Cultura diz que a demissão dela não teve relação com o comentário.
http://www1.folha.uol.com.br/folha/colunas/zapping/ult3954u323871.shtml

Viva Joaquim Barbosa

Vito Gianotti em Joinville

Imagem
O coordenador do Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC), Vito Gianotti, estará em Joinville dia 23 palestrando sobre o tema “Comunicação e disputa de hegemonia".

O evento será realizadono auditório da Associação Educacional Luterana BOM JESUS/IELUSC (Rua Princesa Isabel, 438 - Centro), às 19h.Para quem nunca ouviu falar, Vito Gianotti é escritor por formação e jornalista por ofício, autor, entre outros, do livro "O que é jornalismo sindical", da coleção Primeiros Passos.

O evento é promovido pelo Sinpronorte, sindicato dos professores da rede particular da região norte. Segundo release do sindicato, "A finalidade da palestra é tratar da necessidade de contraponto às grandes mídias corporativas e mercadológicas".

A entrada é franca, as inscrições limitadas e podem ser feitas na própria sede do sindicato (Rua Itaiópolis, 467, bairro América), pelos fones: (47) 3433 1100 (Joinville), (47) 3371 8528 (Jaraguá do Sul) ou (47) 3633 6783 (São Bento do Sul) ou por e-mail…

Poema da necessidade

É preciso casar João,
é preciso suportar, Antônio,
é preciso odiar Melquíades
é preciso substituir nós todos.

É preciso salvar o país,
é preciso crer em Deus,
é preciso pagar as dívidas,
é preciso comprar um rádio,
é preciso esquecer fulana.

É preciso estudar volapuque,
é preciso estar sempre bêbado,
é preciso ler Baudelaire,
é preciso colher as flores
de que rezam velhos autores.

É preciso viver com os homens
é preciso não assassiná-los,
é preciso ter mãos pálidas
e anunciar O FIM DO MUNDO.

Carlos Drummond de Andrade

A campanha e a realidade

Conta de água 6,41% mais caraPrefeito de Joinville confirmou ontem o reajuste pedido pela companhia responsável pelo abastecimento

Acabou a discussão e o jogo de empurra-empurra: está decretado o aumento de 6,41% na conta de água de Joinville. O prefeito Carlito Merss (PT) oficializou ontem o reajuste aprovado dia 7 de abril pelo Conselho Municipal de Água e Esgoto. Para o consumidor, a conta deve chegar em junho.

O reajuste de 6,41% – quase metade dos 11,4% reivindicados pela Companhia Águas de Joinville – acabou se transformando em uma das maiores polêmicas do início do governo. Nem mesmo a iniciativa de limitar o aumento à inflação dos últimos 13 meses alterou os ânimos – a Águas de Joinville queria 5% além da inflação.

Aliados do governo, como Rodrigo Bornholdt (PDT) e Kennedy Nunes (PP), pediram para que o aumento não fosse concedido. E não adiantou. Irritado com as cobranças, o próprio Carlito questionou o papel da Agência Municipal de Água e Esgoto (Amae), que na avaliação dele se…

LHS e Pavan enviam alegações finais

O governador de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira (PMDB), e o vice, Leonel Pavan (PSDB) enviaram ontem ao ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Félix Fischer, as alegações finais sobre o pedido de cassação encampado pela coligação Salve Santa Catarina (PP-PV).

Com as alegações entregues, não há mais nenhum entrave burocrático para o julgamento ocorrer. O governador é acusado pelo PP de abuso de poder político e econômico, denúncia que, se provada, pode levar a cassação do governador. Segundo assessores do TSE, o julgamento de LHS não deve ocorrer ainda em abril.

Há duas teses caso o governador seja cassado. Na primeira, Esperidião Amin e Hugo Biehl (PP) assumem o governo até o final de 2010. Na segunda, os 40 deputados da Assembléia Legislativa realizam eleição indireta entre si. Nesse cenário, o favorito é Júlio Garcia (DEM).

PS: até onde se sabe, o Blog do Camasão foi o primeiro a dar a notícia. A fonte é o TSE.

Do céu ao inferno em 48 horas

Seria cômico, se não fosse trágico, as situações em que caímos na vida. Em 48 horas, fui do céu ao inferno em minha profissional. Na quinta-feira, surpreendemos o concorrente "A Notícia" com a informação de que Osnilda Bächtold, sócio-fundadora da ONG Abrigo Animal, é suspeita de desviar quase R$ 20 mil da Fundema para uma conta conjunta que possui com o marido. A mulher admite o crime.

No outro dia, levo uma verdadeira surra no rádio joinvilense por publicar, em matéria de capa, que a Câmara de Vereadores teria aprovado 29 vagas de cargos comissionados. A informação estava completamente errada. O reconhecimento do erro provavelmente vai virar capa da edição de fim de semana.

No primeiro caso, avisei aos que me deram parabéns pela reportagem de que o furo não tinha sido descoberto por mim, mas sim, pelo colega Léo Saballa, que prontamente foi ao ND repasar a informação. Ele havia feito um texto prévio, explicando o caso. A mim, coube entrevistar os envolvidos e fazer pequenas …

Nota de esclarecimento da Câmara de Vereadores

03/04/2009 - Nota de Esclarecimento

Esta Nota de Esclarecimento é uma defesa institucional da Câmara de Vereadores de Joinville, por meio de sua Diretoria de Comunicação Social, à infeliz e incorreta manchete da edição 751, de 3 de abril de 2009, do Jornal Notícias do Dia: “Câmara cria mais 29 vagas”, cuja reportagem está publicada na página 17 e assinada pelo repórter Leonel Camasão.

A Câmara de Vereadores de Joinville considera que o Jornal Notícias do Dia não soube interpretar os termos do Projeto de Lei nº 17/2009 e do Projeto de Resolução nº 01/2009, deliberados em sessão ordinária na última quinta-feira, dia 2 de abril de 2009, e utilizou de fonte oficialesca para embasar suas “argumentações”.

Assim, o Poder Legislativo de Joinville força-se aos seguintes esclarecimentos:

Encontrou-se em pauta, para discussão e votação, na sessão ordinária da última quinta-feira, dia 2 de abril de 2009, o Projeto de Lei nº 17/2009, que altera os Anexos II e III, da Lei nº 5.720, de 19 de janeiro de …

Os cachorros não tem culpa

Imagem
O caso de corrupção envolvendo a sócio-fundadora da ONG Abrigo Animal, Osnilda Bächtold, vão acabar de vez com a moral da ONG perante a sociedade. A entidade já havia anunciado seu fechamento, há poucos dias. Agora, se havia alguma chance do local se reerguer, ela deve cair por terra.

Osnilda é acusada pelo Ministério Público de desviar quase R$ 20 mil entre fevereiro e outubro de 2007, fraudando cheques da Fundema. Ela ocupou cargos de confiança na prefeitura desde 1997, passando pelas gestões de Luiz Henrique (PMDB) e Marco Tebaldi (PSDB).

Os cachorros e gatos abandonados diariamente no Abrigo Animal não tem culpa. Mas agora, quem vai doar dinheiro para uma ONG acusada de corrupção?