Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010

Reajuste

Pode ser que hoje já haja reunião na Prefeitura para discutir o pedido de reajuste protocolado às 14 horas de segunda-feira no gabinete do prefeito Carlito Merss pelas empresas de ônibus. Um dos motivos da Gidion e Transtusa pedirem tarifa de R$ 2,65 (hoje é R$ 2,30) é a queda no número de passageiros.

Comparação

A queda foi sensível, mas aliada à adoção de mais horários, teria complicado as empresas. No pedido, são comparados os meses de novembro de 2008 (data do estudo do último aumento) e março de 2010.

Sobre março

Só que o estudo foi concluído no dia 29, quando faltavam dois dias para o fim do mês. Talvez a queda de 4,75% ficasse um pouco menor. Ou vai ver as empresas usaram estimativa para fechar os últimos dias de março.

Fonte: Jefferson Saavedra/ A Notícia

Hoje tem assembleia geral dos jornalistas em Floripa!

Vou me esforçar para participar hoje dessa assembleia. O Sindicato dos Jornalistas está propondo um piso salarial de R$ 1.800 para a categoria. Vamos lá, compareçam!

Campanha Salarial 2010 – Venha pra luta! Venha debater a pauta salarial dos jornalistas! Assembleia em Florianópolis amanhã, dia 31. Participe!
9h30 e 18h30 - Categoria tem que mostrar sua força junto ao patrão

Florianópolis recebe a 11ª assembléia que discute desde o início do mês os rumos salariais e socias da categoria. Até agora foram referendadas a pauta original e mais três sugestões recolhidas em Jaraguá do Sul, Joinville e Criciúma. A principal reivindicação financeira é o piso salarial de R$ 1.800, que, segundo o Dieese, está dentro da realidade das empresas e atende em parte as necessidades dos jornalistas.

Foram acrescentadas as seguintes sugestões: 1 - ampliação no prazo do auxílio-creche, que assegura o recebimento do direito social entre o nascimento e 60 meses de idade para filhos de jornalistas…

Ivan Valente defende legalização do aborto

AA

EMPRESAS QUEREM R$ 2,65

A
As empresas de ônibus querem passagem a R$ 2,65. O pedido de reajuste de 15,2% foi protocolado no início da tarde de ontem na Prefeitura de Joinville. Gidion e Transtusa já vinham sinalizando pedido de reajuste, mas só agora foi formalizado. Pelos estudos internos da Seinfra e do Ippuj, ainda não concluídos – o que significa que o valor pode ser alterado –, a planilha indica tarifa perto de R$ 2,60. Como o estudo das permissionários foi concluído na manhã de ontem, valores de insumos talvez tenham sido atualizados. Não foi feita, ainda, a solicitação sobre o novo valor da tarifa embarcada (comprada dentro do veículo). A inflação do período sem reajuste, maio de 2009 até agora, não chega a 5%. A planilha que aponta os custos não é baseada na inflação e sim em insumos, como diesel, pneus e salários dos motoristas, por exemplo.

Em 2009

No ano passado, Gidion e Transtusa queriam R$ 2,40 e levaram R$ 2,30. Apesar da existência da planilha, a Prefeitura preferiu adotar a inflação do período …

Com que moral?

A
DECLARAÇÃO PÚBLICA DE CATÓLICAS PELO DIREITO DE DECIDIR

A Igreja católica - que perde moral por abusos sexuais cometidos por seus padres contra crianças, adolescentes e mulheres - interfere na redação do III PNDH sob a bandeira da moralidade. E o governo federal aceita.

O tema do abuso sexual cometido por religiosos volta a ganhar as páginas dos jornais em todo o mundo. Na realidade, a discussão sobre esse problema tão grave teve início em 2002, quando vários casos de pedofilia foram denunciados nos Estados Unidos. A partir dessas denúncias, as notícias de outros abusos por parte do clero em todo o mundo não pararam mais de ocupar a imprensa. Foram tornados públicos casos em países ricos e em países pobres. Também no Brasil, os casos ganharam destaque.

A primeira reação da hierarquia eclesiástica têm sido a de minimizar o problema, dizendo que esse tipo de caso é raro, que as denúncias atendem a interesses de ordem política, entre outros tipos de despistamento. O fato é que os padres qu…

Assembléia Legislativa de SP cria CPI da Cutrale

AA Assembléia Legislativa de São Paulo dará início a uma CPI para investigar a prática de cartel no setor de suco de laranja. No total, 36 parlamentares assinaram o pedido de instauração da Comissão. Para abrir a CPI, são necessárias 32.De acordo com matéria do jornal Folha de S. Paulo publicada nesta quinta-feira (25/3), a decisão de pedir a CPI foi tomada após a divulgação de reportagem em que o ex-empresário do setor de suco de laranja Dino Tofini revela como surgiu e como operava o cartel, concebido por José Luis Cutrale (sócio-proprietário da Cutrale), do qual participou e que ajudou a montar no início da década de 90 .A suposta prática de cartel está sob investigação da SDE (Secretaria de Direito Econômico) desde 2006, quando os fabricantes de suco foram alvo da operação Fanta, feita por policiais e técnicos da secretaria.
O início dos trabalhos da CPI depende agora do encerramento de outras comissões em andamento.Um dos objetivos da comissão, segundo o dep…

Sands, Cuba, Battisti: Pesos e Medidas

Por sugestão do camarada Maikon K, do Blog Vivo na Cidade, publico um texto de um militante da Anistia Internacional sobre a questão cubana. Recentemente, publiquei um vídeo relatando as manipulações no caso dos "presos políticos" da ilha. Abaixo, segue outra opinião para qualificar o debate.

Carlos Alberto Lungarzo

Anistia Internacional (USA)

ID 2152711
Críticas contra Ativistas de DH

Em relação com a greve de fome que levou à morte ao dissidente cubano Orlando Zapata, quero responder a uma acusação que paira no ar, formulada com ênfase inversamente proporcional ao grau de prestígio e visibilidade do acusador.

Segundo isto, os defensores de Direitos Humanos (mencionados sem referência a ONGs específicas salvo em alguns casos) estariam se comportando tendenciosamente contra Cuba. Em vários lugares usou-se até a criativa expressão “dois pesos e duas medidas”, que, apesar de tão conhecida, me parece inadequada. Não seria melhor, para os que nos criticam, dizer que temos “vários pes…

Você é contra ou a favor do aborto?

Novas responsabilidades

A
Hoje vivenciei dois fatos que aumentam a minha responsabilidade política no PSOL. Pela manhã, fui empossado como Secretário Geral do PSOL em Santa Catarina. Assumi o posto porque a titular, Luana Bergmann, teve que se mudar para Brasília.

Já pela tarde, estivemos na 3a Conferência Eleitoral do PSOL-SC. Essa Conferência elegeu dois delegados para representar o estado na Conferência Nacional, que fará as prévias internas do PSOL para a escolha do nosso candidato a presidente da república. Como já devem ter reparado, estou com Plínio de Arruda Sampaio.

Como eram duas vagas, cada um dos 17 delegados poderia votar duas vezes. Dos 17 votos possíveis, recebi 14 (82,35%), seguido pelo presidente do PSOL-SC, Afrânio Boppré, com 13 votos (76,74%). Abstenções somaram quatro votos, e o candidato Marcos Alves Soares, de Joinville, recebeu três votos (17,65%). Como cada um podia votar duas vezes, a soma das porcentagens totaliza 200%.

Com a eleição para delegado, estarei no Rio de Janeiro para part…

Como os ' dissidentes' de Cuba seriam tratados em outros países?

A
A
A

A
8 de Março de 2010 - 16h33

Em Cuba, existem cerca der 50 pessoas a quem os grandes meios de comunicação classificam como "presos políticos", "presos de consciência" ou "dissidentes". Os governos dos países mais poderosos e ricos do mundo se apóiam neste argumento para pressionar o governo cubano e forçar mudanças na ilha de acordo com seus interesses políticos e econômicos. A conhecida e prestigiosa organização Anistia Internacional também qualifica com estes termos estas pessoas. Porém, o que há de correto em tudo isso?

É preciso recordar que nenhum dos chamados "dissidentes" foram penalizados por delitos de opinião, mas por sua colaboração direta com o governo dos Estados Unidos por diferentes meios, basicamente a recepção de fundos econômicos.

Esta superpotência, cuja economia representa hoje cerca de um terço de toda a economia mundial, mantém um bloqueio econômico que provoca graves privações à população da ilha e que já foi condenado pela…

Jornalista Hondurenho fala sobre golpe militar de Honduras em Florianópolis

A
O jornalista hondurenho Rony Martínez estará à disposição da imprensa para entrevistas nesta quinta-feira, dia 18, a partir das 15horas, na sala Adenilson Telles, Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina, no Prédio da FECESC.

Roy está no estado a convite do sindicato e tem proferido conferências nas faculdades de jornalismo em SC. Ele faz parte da equipe de jornalistas da Rádio Globo Honduras, principal rádio da resistência hondurenha durante o golpe de estado de junho de 2009. A rádio - e a equipe de reportagem - recebeu no final do ano passado o Prêmio Ondas, o mais importante prêmio radial da Espanha, que homenageia rádios ibero-americanas. Em 54 anos de prêmio esta é a segunda vez que ele sai para uma rádio latino-americana.

Informações : Elaine - 99078877

Governo admite mais mudanças no Programa de Direitos Humanos

A
Por Leonardo Sakamoto Estive ontem na reunião do Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana (CDDPH) aqui em Brasília, que aliás completou 46 anos de existência. No encontro, o ministro Paulo Vannuchi, da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, informou que mais pontos devem sofrer alterações no 3º Programa Nacional de Direitos Humanos, divulgado em dezembro do ano passado e que recebeu um bombardeio de setores da sociedade insatisfeitos com propostas ali presentes. Primeiro, já havia sido anunciada a mudança relativa à criação da comissão que pretende abrir a caixa preta dos crimes contra a humanidade cometidos durante a ditadura. Por pressão, é claro, do Ministério da Defesa e dos verde-oliva, que queriam que os dois lados pudessem ser alvo de escrutínio e não apenas o dos torturadores. Depois, no dia 27 de janeiro, durante o Fórum Social Mundial em Porto Alegre, o ministro informou que haveria mudanças também na proposta relativa ao aborto. No programa, ele está re…

O PNDH-3 e o recuo de Vanucchi

Imagem
A
A
A
Desapontador. Esta é a palavra que melhor sintetiza a palestra proferida pelo Ministro da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Paulo Vanucchi, no auditório do Centro de Convenções da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Não que o evento tenha sido ruim. Pelo contrário. O problema é que, na segunda-feira, em Florianópolis, o Ministro jogou a bola para os movimentos sociais e para os estudantes. "Quem garante o PNDH-3 não é o governo, são os movimentos sociais organizados", afirmou. Já no dia seguinte, sai a manchete do Estadão:

"Vannuchi recua em plano de direitos humanos: Pontos polêmicos, que tratam de legalização do aborto, símbolos religiosos, invasões e censura, serão retirados do programa".

Na palestra, Vanucchi demonstrou claramente seus posicionamentos em relação a alguns ministros. "Não tenho nada em comum com o Reinold Stephanes[Desenvolvimento Agrário] ou com o Jobim [Defesa],por exemplo. Mas estamos em um governo de coalizão", di…

Carlito estima que nova tarifa deverá ser de R$ 2,60, diz colunista

A
O colunista Jefferson Saavedra, do jornal A Notícia, afirma na edição deste sábado que o prefeito Carlito Merss estima que a tarifa de ônibus poderá subir dos atuais R$ 2,30 para R$ 2,60.

A notícia já deixa em alerta os movimentos sociais, que se articulam para recompor uma frente de lutas. Leia a nota de Saavedra abaixo.

Estimativa da passagem

Com base em informações prestadas pelas empresas de ônibus, o pessoal da Prefeitura de Joinville tem feito projeções na planilha. Também são feitas comparações com cidades de porte semelhante. E por isso que o prefeito Carlito Merss alegou que a tarifa pode chegar a R$ 2,60.

Decisão política

Pode ser, mas não quer dizer que vá. A decisão também é política. E outros insumos podem entrar na análise de custos da tarifa. Por enquanto, as empresas ainda não fizeram um pedido formal de reajuste. Mas, é óbvio, deverão pedir mais do que R$ 2,60.

http://www.clicrbs.com.br/anoticia/jsp/default2.jsp?uf=2&local=18&source=a2837017.xml&template=4191.d…

DCE da UFSC traz Vannuchi para debater PNDH-3

Imagem
A
O Diretório Central dos Estudantes Luiz Travassos (DCE da UFSC) irá promover um debate sobre o Programa Nacional dos Direitos Humanos (PNDH-3), com a presença do Ministro Paulo Vannuchi (Secretaria Especial dos Direitos Humanos).

“É um debate importante devido toda a polêmica que o PNDH-3 gerou desde o início do ano. Gerou uma forte oposição dos ruralistas, dos militares e da igreja. Por isso, é um debate importante”, afirma Rodrigo Sartoti, da coordenadoria de arte e cultura do DCE.

O evento faz parte de um ciclo de debates organizado pela gestão Canto Geral. O debate com Vannuchi vai ocorrer no dia 15 de março, às 19 horas, no Centro de Cultura e Eventos da UFSC.

Carlito admite que Prefeitura já está analisando possibilidade de aumento na tarifa

Imagem
A
O prefeito de Joinville, Carlito Merss (PT), admitiu na tarde desta segunda-feira que a prefeitura já está analisando a possibilidade de um novo aumento nas tarifas do transporte coletivo desde dezembro de 2009. A informação foi veiculada pelo próprio prefeito durante um chat com internautas promovido pelo Grupo RBS.

Um internauta identificado com "Jean Paul Sartre" [filósofo francês morto em 1980) fez o questionamento. Carlito afirmou que as empresas já solicitaram o aumento em dezembro - apenas sete meses depois do último aumento, que elevou a tarifa para R$ 2,30 e R$ 2,70.

O prefeito também já se valeu de um argumento muito batido - o de que as principais cidades do Estado já elevaram suas tarifas. Carlito citou Blumenau, onde a tarifa subiu para R$ 2,55. O prefeito só esqueceu de citar que por lá, a Justiça suspendeu o aumento.

Leia a parte onde Carlito cita o aumento abaixo, ou veja o chat na íntegra aqui.

Jean Paul Sartre:Boa tarde! Senhor prefeito Carlito Merss, existe b…

Dacs tem nova identidade visual

Imagem
A

Os membros do Diretório Acadêmico Cruz e Souza (Dacs/Ielusc) lançaram sua nova identidade visual. A logo mescla elementos de sala de aula - papel-caderno, clipe - com o nome da entidade. Além disse, 0 bigodinho que define o "A" de "DACS" é uma bela homenagem ao poeta catarinense que dá nome ao diretório.

O Dacs é a entidade representativa dos estudantes de jornalismo e publicidade e propaganda do Bom Jesus/Ielusc. Em 2010, a Gestão Práxis vai tocar os trabalhos por lá. Boa sorte aos camaradas e muita luta aí nas terras ielusquianas.