Carlito vai reduzir impostos para não conceder aumento nas tarifas


Não foi de graça que o prefeito Carlito Merss (PT) não concedeu o aumento nas tarifas de ônibus de Joinville. Apesar de não ter dado o destaque merecido para o fato, a verdade é que as empresas de ônibus receberão como benefício a desoneração do Imposto Sobre Serviço (ISS).

Segundo reportagem publicada hoje em A Notícia, assinada por João Kamradt, os 2% sobre o faturamento cobrados pela prefeitura serão reduzidos para 0,02%. O ISS é, depois do IPTU, a principal fonte de renda da Prefeitura.

Além disso, em 2009, o aumento foi justificado pela concessão do passe livre aos maiores de 60 anos, benefício que foi derrubado judicialmente pela Gidion/Transtusa.

Moacir Bogo, porta-voz dos tubarões do tranporte, já anuncia represálias pelo não aumento, como o congelamento da renovação da frota e também o adiamento da Data Base dos trabalhadores do transporte coletivo. Será que veremos uma "greve branca" (incentivada pelos patrões) em Joinville?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil