Assassinatos contra população LGBT crescem 55%

Um estudo promovido pelo Grupo Gay da Bahia (GGB) revela que o número de assassinatos contra a população LGBT motivados por ações homofóbicas aumentou 55% entre 2008 e 2009. Segundo o levantamento da entidade, quase 200 pessoas dessa população foram assassinadas. Dentre os 198 mortos em 2009, 117 são gays, 72 travestis e nove lésbicas.

Comentários

Wesley disse…
Mas esses números são só da Bahia ou são do Brasil todo?
De qualquer forma é um absurdo.

Ow, li um livro mto bom mês passado, se chama "6 balas num buraco só" do João Silvério Trevisan, o livro é um estudos sobre a crise do masculino causadora de distúrbios como a violência, tão característica dos "machos". Mto bom msm!
Leonel Camasão disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Leonel Camasão disse…
São números do Brasil.

Postagens mais visitadas deste blog

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil