Adolescente de 14 anos assassinado no Rio de Janeiro. Motivo provável? Homofobia.

Polícia Civil apresenta acusados de matar adolescente em São Gonçalo

Grupo foi autuado por homicídio e encaminhado para a Polinter de Neves. Segundo policiais, eles teriam cometido o crime por acharem que vítima era homossexual

Os três jovens acusados pelo assassinato de Alexandre Thomé Ivo Rajão, de 14 anos, encontrado morto com sinais de estrangulamento e espancamento, foram apresentados na 72ª DP (Mutuá), nesta quinta-feira.

De acordo o titular da delegacia, Geraldo Assed, o eletricista Allan Siqueira de Freitas, o brigadista Eric DeBruim, ambos de 22 anos, e o açougueiro André Luiz Marcoge da Cruz Souza, de 23, foram autuados por homicídio e encaminhados para a Polinter de Neves. Se o crime for comprovado, os três poderão pegar de 12 a 30 anos de prisão por homicídio duplamente qualificado e motivo torpe.

O corpo de Alexandre foi encontrado em um terreno baldio no Jardim Califórnia, em São Gonçalo, na última segunda-feira.

Segundo a polícia, os acusados teriam cometido o crime por se identificarem com a cultura skinhead (que prega a xenofobia, homofobia e ideologia neonazista) e acharem que a vítima seria homossexual.

Fonte: Jornal O Fluminense

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil