TVBV erra em debate e prejudica candidato do PSOL

Professor Valmir foi impossibilitado de enfrentar Raimundo Colombo (DEM) por erro da produção do programa. Carmelito Smiguel (PMN) levou vantagem sobre outros candidatos

O debate entre os candidatos ao governo de Santa Catarina na TV Barriga Verde contou com um episódio lametável. Por erro da produção e da mediação do programa, o candidato do PSOL, Professor Valmir Martins, foi impossibilitado de confrontar diretamente o candidao do DEM, Raimundo Colombo.

Segundo as regras acordadas entre com os partidos, cada candidato teria direito a realizar uma pergunta para um único candidato e ser igualmente alvo de uma única pergunta de outro candidato. Mas não foi isso que ocorreu no último bloco do programa.

Por ordem de sorteio, Carmelito Smiguel (PMN) iniciou o bloco perguntando para Angela Amin (PP). Angela, por sua vez, questionou Rogério Novaes (PV). O verde encaminhou pergunta a Ideli Salvatti (PT), que fez questionamento a Raimundo Colombo (DEM).

Matematicamente, Raimundo Colombo só poderia fazer uma pergunta ao candidato do PSOL, para garantir a proporcionalidade de falas a todos os candidatos. Mas o candidato do DEM questionou novamente Carmelito Smiguel. O erro não foi notado pelo mediador do programa, Vânio Bossle.

Após Carmelito responder Colombo, ele questionou o candidato do PSOL. O mediador Vânio Bossle pediu para encerrar o bloco, mas Valmir interviu. "Eu ainda não fiz nenhuma pergunta".

Os assessores do PSOL tentaram intervir, mas foram impedidos de entrar no estúdio pela produção do programa. Além de prejudicar o candidato do PSOL, o erro privilegiou o candidato do PMN, que obteve o dobro de exposição naquele bloco, já que realizou duas perguntas e duas respostas.


Veja o esquema:

Carmelito perguntou para Angela
Angela perguntou para Novaes
Novaes perguntou para Ideli
Ideli perguntou para Colombo
Colombo perguntou para Carmelito
Carmelito perguntou para Professor Valmir
Professor Valmir perguntou para Carmelito



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil