Aleida Guevara, Filha de Che, chega à Florianópolis para desfile em homenagem à Cuba

A filha do guerrilheiro Che Guevara (1928-1967), Aleida Guevara, desembarcou na manhã desta sexta-feira em Florianópolis para participar do Carnaval 2011. Ela vai desfilar na União da Ilha da Magia, escola que homenageará Cuba na Passarela Nego Quirido neste sábado à noite.

Na chegada ao Aeroporto Hercílio Luz, foi recebida por um grupo formado por oito sambistas e duas dançarinas. Ficou surpresa com a batucada. Ela recebeu a letra do enredo da escola, Cuba, sim, em nome da verdade!

Aleida disse que a história de Cuba já foi contada em muitos livros e filmes, mas nunca em uma passarela de samba.

— Fiquei feliz com a ideia. Por isso resolvi participar — contou.

O intérprete da União da Ilha, Marcelo Perna, disse que a presença de Aleida no desfile deste sábado vai chamar a atenção do público para a história da Ilha governada por décadas por Fidel Castro, parceiro de Che na Revolução Cubana (1953-1959), que levou um novo regime político ao país comunista.

Doente, Fidel está afastado do comando do país desde 2008. Raúl Castro, seu irmão caçula, está no poder desde então.

O cônsul-geral de Cuba no Brasil, Lázaro Méndes, demonstrou satisfação com a homenagem. Disse que foi testemunha da Revolução e que, agora, as pessoas que não a conhecem poderão aprender ou se interessar por ela.

A escola da Lagoa da Conceição, que faz seu terceiro desfile neste ano, diz ter buscado a inspiração na Ilha comunista porque quer fazer uma revolução no Carnaval de Florianópolis.

A agremiação, que nasceu de um bloco carnavalesco, vai levar para a passarela 2,5 mil componentes, 23 alas e três carros alegóricos. No ano passado, ficou em segundo lugar entre cinco concorrentes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil