"Bom moço" da Globo, Luciano Huck é condenado por tentar "privatizar" praia

A juíza da 1ª Vara Federal de Angra dos Reis, Maria de Lourdes Coutinho Tavares, condenou o apresentador Luciano Huck a pagar R$ 40 mil, por cercar de boias a faixa costeira ao longo de sua casa na Ilha das Palmeiras, em Angra dos Reis. Huck é alvo de uma ação do Ministério Público, que sustenta, no processo, que a motivação da colocação do cerco é a de apoderamento de um espaço público - no caso, o mar e a praia -  para o uso privado. 

A Justiça ainda investiga se Huck estaria cercando o local para iniciar atividades de maricultura sem licença ambiental. Ainda de acordo com o processo, se Luciano descumprir a ordem, terá de pagar uma multa de R$1 mil por dia. 

Com informações do Uol.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil