Direção estadual do PCdoB reprime diretório de Joinville por críticas a Carlito Merss

A direção estadual do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) emitiu uma nota desaprovando o documento político  que comunicou a recente saída do PCdoB do governo de Carlito Merss (PT), em Joinville. Em 9 de junho, a direção municipal dos comunistas anunciou a saída do governo por diversos fatores, em especial, a postura de Carlito em relação à greve dos servidores municipais. Leia aqui

Na nota, a Comissão Política do PCdoB-SC classifica o documento de Joinville como "inadequado" e "inaceitável". Ao mesmo tempo em que repreende a direção municipal do PCdoB, comandada por George Medeiros, a Comissão estadual não se posiciona sobre a saída do governo, adotando uma posição "murista" - Ao mesmo tempo que elogia a organização dos trabalhadores, evita críticas a Carlito e não define nenhuma posição sobre a greve. 


Leia a nota na íntegra

Comissão Política do PCdoB emite nota sobre Joinville

A Comissão Política do Comitê Estadual do PCdoB de Santa Catarina, após tomar conhecimento em 17 de junho da Nota Pública emitida pela Comissão Provisória do PCdoB de Joinville, resolveu emitir um posicionamento da direção estadual

A Comissão Política do Comitê Estadual do PCdoB de Santa Catarina, reunida em 20/06/2011 , após tomar conhecimento,em 17/06/2011, da Nota Pública emitida pela Comissão Provisória do PC do B de Joinville, resolve:

1) A Direção Estadual do Partido, através de Membros de sua Comissão Política e especialmente do Camarada Jean Leutprecht, Coordenador da Região Norte, vem demandando esforços no sentido de auxiliar na estruturação e fortalecimento do Partido em Joinville, bem como, nas discussões sobre eventual participação do Partido no Governo Municipal.

2) Diante das dificuldades no atual estágio de organização da Comissão Provisória Municipal, da complexidade da estruturação do Partido na cidade do porte e da importância política de Joinville no cenário político catarinense, a Direção Estadual em conjunto com a Comissão Provisória tem buscado adotar medidas pró-ativas em prol da ampliação e fortalecimento do Partido na cidade.

3) Infelizmente no dia 17/06/2011, tomamos conhecimento da publicação de uma Nota Publica assinada por membros da Comissão Provisória de Joinville acerca do posicionamento do partido sobre o Governo do Prefeito Carlito Mers.

4) A nota além de elaborada de forma inaceitável, sem acompanhamento/conhecimento da Direção Estadual, (dado que estamos acompanhando o Partido na cidade), contém aspectos inadequados em seu conteúdo político. Fatores estes que nos levam a desaprovação da mesma e a referendar a decisão de retirá-lá do portal Vermelho.

5) Reafirmamos o apoio do Partido a luta dos trabalhadores/as municipais de Joinville em defesa das justas reivindicações, bem como, a greve da categoria como um valioso instrumento de luta. Ao mesmo tempo conclamamos o Governo municipal de Joinville a envidar todos os esforços, para que, de forma respeitosa, busque uma solução adequada onde possa satisfazer as partes envolvidas no conflito e assim por fim ao movimento grevista.

6) A Comissão Política do Comitê Estadual remete ao Secretariado e/ou Coordenador da Região Norte a tarefa de tomar as medidas que se fizerem necessárias.

Florianópolis, 20 de junho de 2011

COMISSÃO POLÍTICA DO COMITÊ ESTADUAL DO PCdoB


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil