Heloísa Helena sinaliza saída do PSOL e ingresso em novo partido de Marina Silva

Juntas? HH e Marina podem estar em novo partido

A vereadora Heloísa Helena, de Maceió, está sinalizando uma possível saída do PSOL para embarcar no novo projeto político da ex-senadora Marina Silva (PV). Derrotada em seu projeto de "democratizar" o PV, Marina quer construir um movimento político que culmine na criação de um novo partido. 

Embora não confirme a intenção de deixar o PSOL, Heloísa deixa claro que quer estar próxima da antiga companheira do PT. "Caso ela resolva criar um movimento nacional que possa ou não culminar com a construção de um novo partido - e se ela quiser ou precisar da minha ajuda ou mesmo de militantes de qualquer partido ou sem partidos -, entendo que é legítimo que possamos democraticamente ajudá-la", afirmou, em entrevista ao Estadão. 

A vereadora disse que pode colaborar com a construção de um novo partido, independentemente de continuar ou não no PSOL. "Muitas pessoas nos ajudaram com suas assinaturas e seu trabalho para a construção do PSOL mesmo sem total identidade ideológica conosco e sem compromisso preliminar com filiação ou militância - apenas por respeito às nossas histórias de vida e por compromisso democrático."

Já em 2009, Heloísa Helena agiu contra o próprio PSOL, que havia definido  por candidatura própria para presidente. Contra seu próprio partido, Heloísa foi à imprensa defender a candidatura Marina, desrespeitando as decisões partidárias e gerando grande mal estar entre os socialistas. 

Depois de meses de debate interno, a posição pró-Marina liderada por Heloísa foi derrotada, ganhando a candidatura de Plínio de Arruda Sampaio. Heloísa não se envolveu na campanha, e após as eleições - onde foi derrotada para a vaga de senadora por Alagoas - renunciou à presidência do PSOL. 

A atitude anti-partidária de Heloísa gerou conflitos para além do PSOL. PSTU e PCB, que se aliaram ao PSOL nas eleições de 2006, lançaram candidaturas próprias, pulverizando os votos da esquerda. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil