Bento e Rinaldi agravam crise no PT Joinville

Os vereadores Manoel Bento e João Rinaldi, ambos do PT, agravaram a crise vivida pela sigla em Joinville. A dupla foi até o gabinete do prefeito Carlito Merss (PT) nesta quarta-feira comunicar a desfiliação da sigla. O motivo para a decisão é o arquivamento do pedido de expulsão do vereador Adilson Mariano (PT), o qual ambos são signatários.

Mariano foi acusado de infidelidade partidária pelo resto da bancada petista e por algumas figuras do primeiro escalão de governo, em operação arquitetada pelo prefeito. Apesar de terem aprovado a expulsão de Mariano no diretório municipal, o PT catarinense arquivou o pedido na última terça-feira.

Caso confirmem a saída, a bancada do PT cairá pela metade na Câmara de Joinville, restando apenas Adilson Mariano e Belini Meurer (suplente no lugar de Celito Alves). O mesmo ocorreu no mandato anterior, mas por motivos diferentes: em 2004, o PT elegeu quatro vereadores, mais dois deles mudaram de partido: Jucélio Girardi foi para o PMDB e Zulmar Valverde para o PFL (hoje DEM).


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil