Primeira Escola de Samba LGBT de Santa Catarina lança samba enredo para 2012

Diretor artístico da Escola, Rogério Souza Jr (ao meio) e diretor presidente, Jackson de Oliveira (D)

A sétima arte vai se misturar com o Carnaval de Joinville em 2012. Pelo menos, essa é a promessa da Escola de Samba Unidos Pela Diversidade, que realizou neste sábado, dia 10, o lançamento do samba enredo Drama ou Comédia: o samba pediu, a história do cinema da avenida surgiu. 

A festa ocorreu na Ivyx Club Mix, com direito a interpretação ao vivo do samba enredo e da bateria da escola. O enredo conta a evolução do cinema até os dias atuais, e esse espírito vai nortear o desfile oficial em fevereiro. 

Segundo o diretor presidente da Unidos Pela Diversidade, Jackson de Oliveira, serão 16 alas, carros alegóricos e muita celebridade das telonas representadas no desfile. 

Primeira escola de samba LGBT de Santa Catarina, a Unidos Pela Diversidade é uma "evolução" do antigo Bloco da Diversidade, que participa do Carnaval joinvilense desde o seu retorno, em 2008. “Toda a comunidade está convidada a participar da mais nova escola de samba de Joinville. Este ano estamos programando um desfile mágico viajando na história do cinema”, comenta Jackson.

O encontro contou com representações de outras Escolas de Samba da região, como a Príncipes do Samba, de Joinville, e a Unidos do Paulas, de São Francisco do Sul.

PSOL marca presença no evento
Presidente do PSOL Joinville, Leonel Camasão, participou do
lançamento ao lado da esposa Rebecca Neto
O presidente do PSOL Joinville, Leonel Camasão, participou do lançamento do samba enredo da Unidos Pela Diversidade ao lado da esposa, Rebecca Neto. Ambos já eram integrantes do antigo Bloco da Diversidade, e agora, continuarão a desfilar na avenida joinvilense na mais nova Escola de Samba da cidade. 

"A Unidos Pela Diversidade traz um ganho muito grande para a ampliação e a profissionalização do Carnaval de Joinville. Além disso, faz pontes entre a comunidade LGBT e o resto da sociedade, construindo a tolerância e o respeito através do Carnaval", opina Camasão. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil