Na imprensa: PSOL e PSTU podem disputar juntos a eleição

Leonel Camasão (PSOL) e Ricardo Lautert (PSTU) conversaram sobre a possibilidade de apresentar uma alternativa para Joinville - Foto: Divulgação
Leonel Camasão (PSOL) e Ricardo Lautert (PSTU) conversaram sobre a possibilidade de apresentar uma alternativa para Joinville - Foto: Divulgação

Considerados partidos nanicos e compartilhando a mesma linha ideológica, PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) e PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados) podem juntar forças para disputar as eleições municipais de 2012. A união dos partidos, conhecida por “Frente de Esquerda”, teve início em 2006, na candidatura à presidência da alagoana Heloísa Helena (PSOL), e ocorreu em diversas cidades do país, em 2008.

Em Joinville, a conversa entre os partidos teve início na última quarta-feira (15). O presidente do PSOL e pré-candidato à prefeitura, Leonel Camasão, conversou com o membro da direção do PSTU, Ricardo Lautert. Na conversa, os representantes das siglas discutiram o cenário político da cidade e a necessidade de uma candidatura que represente o campo socialista e uma alternativa para a cidade.

"Os outros candidatos querem promover um plebiscito em Joinville. Querem que o eleitor escolha entre a paralisia da gestão petista ou o retorno dos corruptos que sempre administraram a cidade", disse Camasão. "Nós estaremos na campanha para dizer que Joinville tem uma opção, uma opção pela igualdade, pela justiça social e pela democracia".

As negociações entre PSOL e PSTU vão seguir nas próximas semanas. Os partidos devem realizar seminários temáticos ao longo do semestre para elaboração de um programa de governo.

Fonte: Portal Joinville, 17/02/2012

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pastor chama vereador de vagabundo e é declarado 'persona non grata'

Chico Alencar lança candidatura e Câmara tem agora 4 postulantes

Primeiras impressões sobre os protestos no Brasil