Nota de repúdio da ADEH contra o Jornal da Cidade

A ASSOCIAÇÃO EM DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS COM ENFOQUE NA SEXUALIDADE DA GRANDE FLORIANOPOLIS/SC - ADEH, fundada em 19 de março de 1993, pessoa jurídica de direito privado sem fins econômicos, democrática, pluralista que luta contra todas as formas de discriminação, de desigualdades. Defensora IGUALDADE, DIVERSIDADE, SOLIDARIEDADE, PLURALIDADE, TRANSPARÊNCIA, PARTICIPAÇÃO, LIBERDADE, SUSTENTABILIDADE, DEMOCRACIA e HORIZONTALIDADE vem, por meio desta, REPUDIAR as graves ofensas proferidas pelo Jornal da Cidade, de Joinville, contra a população de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.

O referido jornal, por meio da coluna de seu editor chefe, João Francisco, ao comentar a exibição de um beijo entre dois homens no horário eleitoral do PSOL, afirma:

“Nojento aquele beijo gay exibido no programa eleitoral do Leonel Camasão, do PSOL. Tão asqueroso quanto alguém defecar em público ou assoar o nariz à mesa. Gostaria de saber qual a necessidade de exibir suas preferências sexuais em público? Para mim isso é tara, psicopatia...”.

As ofensas veiculadas em um jornal com 10 mil exemplares semanais ferem gravemente os direitos humanos, promovem a intolerância e classificam a população LGBT como pessoas “psicopatas” e “taradas”.

Sendo assim exigimos do Ministério Público e da Justiça, que tomem as providências necessárias para que este tipo de ofensa deixe de ocorrer na imprensa da nossa cidade, do nosso estado e do nosso país.


ASSOCIAÇÃO EM DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS COM ENFOQUE NA SEXUALIDADE DA GRANDE FLORIANOPOLIS/SC

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Uma homenagem ao Movimento Estudantil

Sandro Silva renuncia mandato de vereador e Carlito poderá ter maioria na Câmara

Norival Silva pega 12 anos por corrupção passiva